Vamos conversar!? Envie-nos uma mensagem de interesse.
10.11.20

5 dicas para ajudar seu filho a manter a concentração

Definir horários e manter a ansiedade controlada são os primeiros passos para ajudar as crianças a manter o foco e a concentração

Crianças podem apresentar um pouco de dificuldade em manter o foco nas tarefas. Para evitar que isso seja um problema, é preciso ser firme com elas, mas sem causar ainda mais estresse e ansiedade. Para ajudá-las neste processo, separamos algumas dicas importantes:

Transforme tarefas maiores em objetivos menores

É difícil concentrar em uma tarefa quando não conseguimos ver o fim dela, não é mesmo? Para as crianças não é diferente. Dividir tarefas muito grandes em objetivos menores aumenta a satisfação e a sensação de recompensa das crianças ao cumprir metas e facilita a conclusão da tarefa como um todo.

Ensine-os a respirar

Estudos e tarefas podem gerar ansiedade em crianças que apresentam dificuldade de concentração. Por isso, é uma boa ideia ensinar a elas a respiração diafragmática, aquela respiração “com a barriga”. Esse tipo de respiração, utilizando o diafragma, o músculo que se localiza entre o abdômen e o tórax, facilita a entrada e a saída de oxigênio do corpo, fazendo nosso batimento cardíaco desacelerar, o que nos ajuda a manter a calma. Veja aqui como fazer a respiração diafragmática corretamente.

Estabeleça momentos de concentração

Crianças tendem a dispersar muito facilmente – pesquisas já mostraram que elas conseguem se concentrar por cerca de 20 minutos antes de deixarem a mente divagar. Por isso, é importante planejar horas específicas de trabalho e de descanso pensando nisso. Tentar fazê-los se concentrar por meia hora e descansar por 10 minutos pode ser uma boa tentativa. 

Crie momentos de conversas sobre assuntos do cotidiano

Uma característica bastante específica das crianças é ter uma imaginação muito fértil e ativa. Com isso, elas acabam se distraindo internamente com memórias divertidas ou criando suas próprias histórias. A imaginação e a criatividade devem sempre ser incentivadas, mas é preciso tomar cuidado que isso não atrapalhe na hora da concentração. Uma boa forma de trazê-las de volta desse mundo particular é conversar sobre coisas que estão acontecendo no mundo real.

Ajude-as a organizar as tarefas

A falta de concentração pode ser fruto da desorganização. Por isso, ajudar a criança a organizar seus afazeres pode ser um passo importante. Incentive-as a fazer listas e estabelecer prioridades. Assim, elas tendem a se sentir menos sobrecarregadas e podem se concentrar melhor.